Câmaras de Vereadores não têm condições de reformar previdências

É o que afirmou o secretário da Confederação Nacional de Municípios, Eduardo Tabosa.

 A dificuldade técnica aliada ao processo de avaliação política são os grandes entraves para as Câmaras tratarem do assunto e regulamentarem a questão .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *